OS ARCANJOS SÃO MIGUEL, SÃO GABRIEL E SÃO RAFAEL

Miguel (Quem como Deus?) é o Arcanjo que se insurgiu contra satanás e os seus seguidores ( Jd 9; Ap 12,7; cf. Zc 13, 1-2), defensor dos amigos de Deus ( Dn 10, 12.21), protetor de seu povo ( Dn 12,1), Príncipe dos exércitos celestes.

Gabriel ( Força de Deus) é um dos espíritos que estão diante de Deus ( Lc 1,19), revela a Daniel os segredos do plano de Deus ( Dn 8,16; 9,21-22), anuncia a Zacarias o nascimento de João Batista ( Lc 1, 11-20) e a Maria, o de Jesus ( Lc 26-38).

Rafael ( Deus curou), ele também entre os sete Anjos que estão diante do trono de Deus ( Tb 12,15; cf Ap 8,2), acompanha e protege Tobias nas peripécias de sua viagem e cura-lhe o pai cego.

A Igreja peregrina sobre a terra, especialmente na Liturgia Eucarística, associa-se às multidões dos Anjos que na Jerusalém celeste cantam a glória de Deus ( cf. Ap 5,11-14; SC 8). Sua Festa é celebrada no dia 29 de setembro. No dia 2 de outubro celebra-se a Memória dos Santos Anjos da Guarda. A devoção aos Santos Arcanjos e Anjos, arraigada em nossa Família Religiosa desde os primeiros momentos da Fundação, recorda-nos a presença de Deus e o nosso dever de associar-nos à Liturgia celeste, onde estes nossos “Irmãos e Amigos”servem a Santíssima Trindade e louvam a Deus por nós, tão mergulhados nas lutas e preocupações desta terra de peregrinos. Eles nos protegem contra as tentações do maligno e nos perigos de nossa caminhada rumo à Pátria celeste.

Oração da Missa: Senhor, Deus do Universo, que estabelecestes com admirável providência as funções dos Anjos e dos homens, concedei propício, que as nossas vidas sejam protegidas por São Miguel, São Gabriel e São Rafael e
pelos demais Arcanjos e Anjos que vos assistem e servem nos céus.
Por Nosso Senhor Jesus Cristo vosso Filho, na unidade do Espírito
Santo. Amém.