CONGREGAÇÃO DOS OBLATOS

Desde o tempo de seminarista, o nosso Fundador, Pe. Januário Baleeiro de Jesus e Silva, OCS, notara como não era muito conhecida a devoção a Cristo como “SACERDOTE DO PAI”.

Certamente foi o Espírito Santo que o inspirou a instituir na Igreja uma Família Religiosa, com o nome de Congregação dos Oblatos de Cristo Sacerdote.

Antes de tudo, somos “Congregação”, isto é, a união de tantas pessoas, num só coração e numa só alma, para um “ideal”, dentro da Vida Consagrada. A palavra “Congregação” lembra “Família”, lembra “Comunhão”. Há um ideal que nos une e nos deve unir sempre mais, na intimidade do Coração Sacerdotal de Jesus.

“OBLATOS” - aqueles que se oferecem, como hóstias sobre o altar, ou, na figura que nos é muito cara e que vem representada em nosso brasão, como a vela que se consome, iluminando ainda mais com sua luz derradeira. Ao falarmos de “CARISMA”, pusemos umas informações sobre a palavra “OBLAÇÃO”.