MISSA EM HONRA À SAGRADA FACE DE NOSSO SENHOR JESUS CRISTO


Solenidade
Celebra-se esta Missa na terça-feira precedente ao inicio da Quaresma


Antífona de entrada - Sl 104, 3-4
Exulte o coração dos que buscam a Deus!
Sim, buscai o Senhor e a sua força,
procurai sem cessar a sua Face!


Oração do dia
Ó Deus, nosso Pai, que em Cristo revelastes vossa face e nos manifestastes vosso amor, abre nossos
olhos para que possamos reconhece-lo nosso Redentor e Senhor, seguindo-o como fiéis discípulos pelo
caminho da cruz, até contemplar-vos face a face na glória. Pelo mesmo Jesus Cristo, vosso Filho, na
unidade do Espírito Santo.


PRIMEIRA LEITURA
Ele foi ferido por causa de nossos pecados...


Leitura do Livro do Profeta Isaías - 52,13-53,12

13 Ei-lo, o meu Servo será bem sucedido:
sua ascensão será ao mais alto grau.
14 Assim como muitos ficaram pasmados ao vê-lo
-tão desfigurado ele estava que não parecia ser um homem
ou ter aspecto humano-,
15 do mesmo modo ele espalhará sua fama entre os povos.
Diante dele os reis se manterão em silêncio,
vendo algo que nunca lhes foi narrado
e conhecendo coisas que jamais ouviram.
53,1 Quem de nós deu crédito ao que ouvimos?
E a quem foi dado reconhecer a força de Senhor?
2 Diante do Senhor ele cresceu como renovo de planta
ou como raiz em terra seca.
Não tinha beleza nem atrativo para olharmos.
não tinha aparência que nos agradasse.
3 Era desprezado como o último dos mortais,
homem coberto de dores, cheio de sofrimentos;
passando por ele, tapávamos o rosto;
tão desprezível era, não fazíamos caso dele.
4 A verdade é que ele tomava sobre si nossas enfermidades
e sofria, ele mesmo, nossas dores;
e nós pensávamos fosse um chagado,
golpeado por Deus e humilhado!
5 Mas ele foi ferido por causa de nossos pecados,
esmagado por causa de nossos crimes;
a punição a ele imposta era o preço da nossa paz,
e suas feridas, o preço da nossa cura.
6 Todos nós vagávamos como ovelhas desgarradas,
cada qual seguido seu caminho;
e o Senhor fez recair sobre ele
o pecado de todos nós.
7 Foi maltratado, e submeteu-se, não abriu a boca;
como cordeiro levado ao matadouro
ou como ovelha diante dos que a tosquiam,
ele não abriu a boca.
8 Foi atormentado pela angústia e foi condenado.
Quem se preocuparia com sua história de origem?
Ele foi eliminado do mundo dos vivos;
e por causa do pecado do meu povo,
foi golpeado até morrer.
9 Deram-lhe sepultura entre ímpios,
um tumulto entre os ricos, porque ele não praticou o mal,
nem se encontrou falsidade em suas palavras.
10 O Senhor quis macerá-lo com sofrimentos.
Oferecendo sua vida em expiação ,
ele terá descendência duradoura,
e fará cumprir com êxito a vontade do Senhor.
11 Por esta vida de sofrimento,
alcançará luz e uma ciência perfeita.
Meu Servo, o Justo, fará justos inúmeros homens,
carregando sobre si suas culpas.
12 Por isso, compartilharei com ele multidões
e ele repartirá suas riquezas com os valentes seguidores,
pois entregou o corpo à morte,
sendo contado como um malfeitor;
ele, na verdade, regatava o pecado de todos
e intercedia em favor dos pecadores.
Palavra do Senhor.


SALMO RESPONSORIAL Sl 16(17), 1- 3ab. 6-9
R: Fazei brilhar a tua Face sobre nós

1 Ó Senhor, ouvi a minha justa causa,
escutai-me e atendei o meu clamor!
Inclinai o vosso ouvido à minha prece,
pois não existe falsidade nos meus lábios!
2 De vossa face é que me vem o julgamento,
pois vossos olhos sabem ver o que é justo.
3 Provai meu coração durante a noite,
visitai-o, examinai-o pelo fogo,
mas em mim não achareis iniquidade.
6 Eu vos chamo, ó meu Deus, porque me ouvis,
inclinai o vosso ouvido e escutai-me!
7 Mostrai-me vosso amor maravilhoso,
vós que salvais e libertais do inimigo
quem procura a proteção junto de vós.
8 Guardai-me como a pupila dos olhos,
escondei-me à sombra de vossas asas,
9 longe dos pecadores,
que me querem fazer violência.
Meus inimigos me rodeiam com furor .


SEGUNDA LEITURA
. .. sofreu por nós, deixando-nos seu exemplo...


Leitura da Primeira Carta de São Pedro - 2,19-25
19 É louvável alguém suportar maus tratos ,
sofrendo injustamente por amor a Deus .
20 Se suportais com paciência aquilo que sofreis
por ter feito o bem, isto vos torna agradáveis
diante de Deus.
21 De fato, para isto fostes chamados.
Também Cristo sofreu por vós deixando-vos um exemplo,
a fim de que sigais os seus passos.
22 Ele não cometeu pecado algum,
mentira nenhuma foi encontrada em sua boca.
23 Quando injuriado, não retribuía as injúrias;
atormentado, não ameaçava;
antes, colocava a sua causa nas mãos daquele
que julga com justiça.
24 Sobre a cruz, carregou nossos pecados,
em seu próprio corpo,
a fim de que, mortos para os pecados,
vivamos para a justiça.
Por suas feridas fostes curados.
25 Andáveis como ovelhas desgarradas, mas agora
voltastes ao pastor e guarda de vossas vidas.
Palavra do Senhor


Aclamação ao Evangelho
V: Aleluia, aleluia, aleluia.
O seu rosto brilhou como o sol
e as suas roupas ficaram brancas como a luz.
R: Aleluia, aleluia, aleluia.


EVANGELHO
Enquanto rezava, seu rosto mudou de aparência.


Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Lucas 9, 28b-36

Naquele tempo,
28b Jesus levou consigo Pedro, João e Tiago,
e subiu à montanha para rezar.
29 Enquanto rezava, seu rosto mudou de aparência
e sua roupa ficou muito branca e brilhante.
30 Eis que dois homens estavam conversando com Jesus:
eram Moisés e Elias.
31 Eles apareceram revestidos de glória
e conversavam sobre a morte
que Jesus iria sofrer em Jerusalém.
32 Pedro e os companheiros estavam com muito sono.
Ao despertarem, viram a glória de Jesus
e os dois homens que estavam com ele.
E quando estes homens se iam afastando
33 E quando estes homens se iam afastando,
Pedro disse a Jesus:
“Mestre, é bom estarmos aqui.
Vamos fazer três tendas:
uma para ti, outra para Moisés e outra para Elias”.
Pedro não sabia o que estava dizendo.
34 Ele estava ainda falando,
quando apareceu uma nuvem
que os cobriu com sua sombra.
Os discípulos ficaram com medo
ao entrarem dentro da nuvem.
35 Da nuvem, porém, saiu uma voz que dizia:
“Este é meu Filho, o Escolhido.
Escutai o que ele diz!”
36 Enquanto a voz ressoava, Jesus encontrou-se sozinho.
Os discípulos ficaram calados
e naqueles dias não contaram a ninguém
nada do que tinham visto.
Palavra da Salvação.

 


Oração sobre as oferendas
Ó Deus, Pai da luz, voltai-vos para nós e contemplai a Face de Cristo, vosso Filho, que se imolou como
vítima de reconciliação, e concede-nos oferecermo-nos a vós como sacrifício espiritual para o louvor da
vossa glória! Por Cristo Nosso Senhor


PREFÁCIO
dos Domingos do TC VII ( A salvação pela obediência de Cristo )

V. O Senhor esteja convosco!
R. Ele está no meio de nós
V. Corações ao alto!
R. O nosso coração está em Deus
V. Demos graças ao Senhor nosso Deus!
R. É nosso dever e nossa salvação.


Na verdade, é justo e necessário,
é nosso dever e salvação
dar-vos graças, sempre e em todo o lugar,
Senhor, Pai santo,
Deus eterno e todo-poderoso
De tal modo amaste o mundo,
que nos enviastes como Redentor,
vosso próprio Filho,
em tudo semelhante a nós,
exceto no pecado.
Amando-o até o fim,
amastes nele nossa humilde condição;
E ele, na obediência até à morte,
Restaurou o que nossa desobediência fizera perder.
Por essa razão,
com os anjos e com todos os santos,
entoamos um cântico novo,
para proclamar a vossa bondade,
cantando (dizendo) a uma só voz:
Santo, Santo, Santo...


Antífona de comunhão
Vimos a sua glória,
a glória que vem do Pai,
como a de Filho Único, cheio de graça e verdade.


Oração depois da Comunhão
Ó Deus, fazei resplandecer vossa Face sobre nós, para que, iluminados por vossa Palavra e sustentados pelo
Pão da Vida, possamos caminhar na vossa presença até chegar á maravilhosa luz do vosso Reino. Por Cristo
Nosso Senhor.